Publicado por Débora Silva
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

A mononucleose, também conhecida como a doença do beijo ou febre glandular, é uma doença infecciosa, geralmente causada pelo vírus de Epstein-Barr (EBV). A doença é transmitida principalmente através das gotículas de saliva que uma pessoa espalha ao tossir ou espirrar, mas também pode ser transmitida pelo beijo ou pelo compartilhamento de alimentos ou utensílios (como talheres e copos) que o indivíduo tenha anteriormente levado na boca. A mononucleose atinge mais frequentemente as crianças a partir dos 10 anos e adolescentes, sendo que os casos na idade adulta são raros. Trata-se de uma doença que merece atenção e cuidado especiais, mas pode ser tratada com o auxílio de alguns remédios caseiros.

Sintomas da mononucleose

Dentre os sintomas mais comuns desta doença estão os seguintes:

  • Febre, que pode durar aproximadamente 10 dias;
  • Gânglios inchados no pescoço, na nuca ou atrás das orelhas;
  • Inflamação do baço (pode ocorrer um aumento do seu tamanho);
  • Dor de cabeça;
  • Dor de garganta;
  • Dor muscular;
  • Cansaço;
  • Falta de apetite.
Tratamento caseiro para a mononucleose

Foto: Reprodução

Remédios naturais para tratar mononucleose

Existem alguns remédios caseiros e de conhecimento popular que podem auxiliar no tratamento desta doença. Lembre-se que estes remédios caseiros não substituem o tratamento recomendado pelo médico, mas servem como um complemento. Confira a seguir:

Sal ou bicarbonato de sódio

Misture ½ colher de chá de sal ou bicarbonato de sódio em um copo de água morna, e faça gargarejos várias vezes ao longo do dia. Este procedimento ajuda a aliviar a dor de garganta.

Própolis de abelha

Tomar uma colher de sopa de própolis de abelha ao dia ajuda a reforçar o sistema imunológico.

Flores de sabugueiro

Acrescente 1 colher de sopa de flores de sabugueiro em um copo de água fervente. Tampe e deixe esfriar um pouco. Tomar uma xícara de chá dessa infusão ajuda no tratamento da febre.

Chá de equinácea

O chá de equinácea possui propriedades anti-inflamatórias e imunoestimulantes que ajudam no fortalecimento do sistema imune e no alívio de sintomas como dor de cabeça, no abdômen e inflamação da garganta.

Ingredientes:

– 1 colher de chá de folhas de equinácea;
– 1 xícara de água;
– 1 colher de chá de folhas picadas de maracujá.

Modo de preparo:

Coloque a água para ferver e, depois de fervida, coloque as folhas de equinácea e maracujá. Deixe repousar durante 15 minutos, coe e beba o chá cerca de 2 vezes ao dia.

Veja mais!