Publicado por Natália Petrin
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

A planta medicinal conhecida pelo nome de abrótano é encontrada também com os nomes populares de abrótano macho, abrótega, abrótica, alfacinha do rio, losna e aurínia. De nome científico Artemisia abrotanum, a planta pode ser encontrada em diversas lojas de produtos naturais, assim como em farmácias de manipulação e feitas livres, e pode ser usada para o tratamento de diversos problemas de saúde.

O nome artemísia deriva da deusa grega Artemis, e a planta, que pertence à família das Asteraceae, junto com outras plantas do mesmo gênero, possuem uma cânfora e forte odor, sendo usada por um longo período como um aromatizador natural. Trata-se de uma vegetação arbustiva espessa e constantemente cultivada pelos jardineiros.

Os cidadãos romanos da antiguidade costumavam crer que a planta poderia proteger os homens da impotência, e que na Espanha e na Itália medieval, os jovens homens esfregavam as folhas frescas objetivando estimular o crescimento da barba. Nos dias atuais sabe-se que ambas propriedades são falsas, fazendo parte apenas da história. Era conhecido ainda, no mundo medieval, como “amor de jovem” e “seduzindo a moça”, já que tinha a fama de ser uma planta que aumentava a virilidade dos mais jovens.

Mulher segurando xícara de cha

Foto: Depositphotos

Benefícios e propriedades do chá de abótano

O chá feito com a planta abrótano pode ser usado, devido às suas propriedades, para tratar asma, dores de estômago, problemas com má digestão, distúrbios menstruais, dispneia, tuberculose e frieira.

Isso acontece devido às propriedades da planta que envolvem sua ação como carminativo, vermífugo, regulador do ciclo menstrual, estimulante e diurético.

Pode ser usado, além do chá, na forma de cataplasmas que são colocados em feridas e lascas, sendo usado também para o tratamento de queimaduras. Quando misturado com outras ervas, ajuda a combater a insônia, mas sozinho atua como um excelente vermífugo, acabando com os vermes intestinais.

Como preparar o chá?

Ingredientes:

– 2 colheres (de café) das folhas secas de abrótano
– 1 xícara de água

Modo de preparo:

Em um recipiente, coloque a água e leve ao fogo até começar a ferver. Adicione as folhas em uma xícara e em seguida despeje a água fervente por cima. Deixe tampado até amornar e, em seguida, coe e consuma.

Contraindicações e efeitos colaterais

Não foram encontrados efeitos colaterais relacionados ao consumo de abrótano nas literaturas consultadas. Também não encontramos contraindicações. É válido lembrar que, antes de consumir qualquer medicamento, mesmo que natural, é de suma importância consultar um médico profissional que dará o diagnóstico correto. Se desejar tratar-se com remédios naturais, comente com seu médico.

Veja mais!