Publicado por André Luiz Melo
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Considerada essencial para o processo metabólico, a vitamina B3 (niacina) é uma substância indispensável que atua na transformação de alimentos consumidos em energia no interior do organismo humano, favorecendo uma melhor aquisição de nutrientes para o corpo. Preventiva da pelagra, a mesma também é chamada de vitamina PP.

Falta de apetite, insônia, irritabilidade, diarreia, fadiga, problemas de pele e depressão são as principais complicações que afetam organismos com baixos níveis dessa vitamina. Em contrapartida, a elevação da dose diária de consumo da vitamina B3 é a alternativa mais eficaz para o tratamento de tais efeitos sintomáticos.

Eficiente para a circulação, a vitamina B3 auxilia na redução dos níveis de colesterol sanguíneo, constituindo assim uma excelente opção para pessoas que sofrem com o colesterol alto.

Vitamina B3 e seus efeitos benéficos para a saúde do organismo

Imagem: Reprodução/ internet

Benefícios da Vitamina B3 no organismo

  • Melhora a circulação sanguínea;
  • Redução dos níveis de colesterol;
  • Auxilio na síntese de aminoácidos;
  • Transformação de proteínas e gorduras em energia;
  • Estimula o funcionamento adequado do sistema digestivo;
  • Melhora da saúde cardiovascular;
  • Controla o diabetes;
  • Fonte de energia;
  • Revigora a saúde sexual;
  • Auxilia no emagrecimento;
  • Favorece o ganho de massa muscular;
  • Ajuda a pele, cabelo e unhas a terem aspectos saudáveis.

O consumo dessa vitamina favorece o processo metabólico, de modo a ser obtida por meio do consumo de alimentos saudáveis como  cereais, carne, ovos, peixes e pães.

Alimentos ricos em vitamina B3

  • Carne bovina magra;
  • Fígado;
  • Aves;
  • Peixes;
  • Amendoim;
  • Ovos;
  • Leite;
  • Cogumelos;
  • Arroz, trigo e milho;
  • Castanha do Pará;
  • Levedura;
  • Carnes magras;
  • Frutas secas;
  • Cereais integrais;
  • Brócolis;
  • Tomate;
  • Cenoura;
  • Abacate;
  • Batata doce;
  • Entre outras verduras e frutas.

Doses diárias de vitamina B3 recomendadas

Diariamente, a necessidade de vitamina B3 no organismo varia de 12 a 19 mg, podendo ainda ser consumida em 6,6 mg a cada mil calorias consumidas por dia. Esse nível pode ser alcançado sem muita dificuldade, a partir da ingestão de 100 gramas de peixes como o atum, por exemplo, o qual possui 12 mg de niacina. Outros alimentos, a exemplo de duas coxas de frango, também contêm níveis semelhantes de vitamina B3, aproximadamente 15 mg.

Vale ressaltar, entretanto, que a existência no organismo do aminoácido triptofano, o qual se faz presente na composição de muitos alimentos, é indispensável para uma ideal absorção da vitamina B3.

Superdosagem

A dosagem máxima de vitamina B3 que pode ser consumida diariamente compreende 35 mg, isso para adultos de qualquer idade. Ultrapassado esse nível, efeitos prejudiciais decorrentes da overdose desse nutriente podem afetar o organismo. Assim, dosagens superiores ao limite citado só podem ser ingeridas conforme recomendação médica.

Nutriente estimulador de inúmeros benefícios na saúde corporal, a vitamina B3 pode ser perigosa em casos de overdose. Nessas situações, a mesma pode causar transtornos no fígado, úlceras estomacais, problemas musculares e complicações no sistema cardiovascular. Pessoas que sofram de problemas nos rins devem ingerir essa vitamina com bastante cautela.

Veja mais!