Publicado por Natália Petrin
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Chamamos de abcesso a doença dermatológica que tem como causa o acúmulo de pus, assim como material infectado muito semelhante a um furúnculo e pode ocorrer em qualquer tecido do corpo. Não existe um padrão específico, ou seja, a doença pode atingir pessoas de várias idades, mas pode acontecer com mais frequência em casos de diabetes, obesidade, seborreia, imunidade baixa, alimentação inadequada, higiene feita de forma inadequada, uso de roupas justas demais, entre outros. Os locais onde mais comumente aparecem os abcessos são a vagina, abdômen, gengivas e axilas.

Causas

Os abcessos podem ser causados por infecções bacterianas e substâncias químicas, e forma esse líquido purulento – pus – devido à necrose do tecido original saudável, dos leucócitos e microrganismos que envolvem a ferida para evitar que a infecção migre para outras partes do corpo.

Sintomas

Entre os principais sintomas, podemos citar a febre alta, sensibilidade ao toque no loca, mal-estar, calafrios, suores, entre outros.

Tratamentos naturais para abcessos

Foto: Reprodução

Tratamento

O tratamento deve envolver alguns cuidados: evite gorduras e opte por consumir alimentos naturais que ajudem a depurar o sangue, pois esses eliminarão substâncias impuras e ajudarão na cura. Procure sempre orientação médica antes de medicar-se de forma independente.

Tratamentos naturais

Alguns tratamentos naturais são eficazes, confira:

  • Batata: coloque a batata cozida e amassada entre dois panos finos e aplique ainda quente no local afetado.
  • Cebola: rale a cebola crua e coloque entre dois panos finos. Aplique nas regiões afetadas.
  • Inhame: rale o inhame ainda cru e faça compressas substituindo de hora em hora, formando um total de quatro horas. O inhame é auxiliar também quando inserido na alimentação cozido e temperado com sal e azeite.
  • Bardaria: aplique compressas com a maceração das folhas e substitua a cada 30 minutos.
  • Mel: prepare um cataplasma (colocar a mistura entre dois panos limpos) com mel, cebola ralada e farinha de mandioca e deixe no local afetado por duas horas.

Chás

Alguns chás também servem como tratamentos naturais.

  • Alecrim: faça o chá com 20 g de folhas para cada litro de água e consuma quatro xicaras ao dia.
  • Alfavaca: use 30 g das folhas para cada litro de água no preparo do chá. Consuma quatro xícaras ao dia.
  • Boldo: faça um chá com 30 g das folhas para cada litro de água. Consuma também quatro xícaras no decorrer do dia.
  • Jurubeba: faça o chá com 100 g das folhas e raízes para 1 litro de água. Faça uma compressa com um pano limpo embebido nesse chá e substitua a cada 30 minutos.

Veja mais!