Publicado por Stefanie Mouret
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Sabe-se já há muito tempo que “somos o que comemos”, não de forma literal, mas para demostrar que a alimentação é grande responsável pela saúde que desenvolvemos (ou a falta dela). Se os alimentos gordurosos, gaseificados, com excessos de sal e açúcar fazem o organismo desenvolver problemas como diabetes, hipertensão, placas de gordura que podem provocar infarto ou acidente vascular cerebral, o contrário também é verdade, alimentos ricos em proteínas e gorduras tidas como boas – como o ômega-3 – previnem esses problemas já citados e outros, como até mesmo a depressão e o Mal de Alzheimer. Um destes alimentos é o salmão.

Salmão – benefícios, nutrientes e propriedades

Foto: Reprodução

Propriedades e nutrientes

Os principais nutrientes presentes no salmão são o Ômega-3 – responsável por combater os triglicerídios, reduzir o colesterol e evitar a formação das placas de gordura que obstruem as artérias e podem causar sérios riscos; a Vitamina A – conhecida por proteger a visão, a pele e a funcionalidade dos órgãos reprodutores; Fósforo – essencial para uma boa formação dentária e óssea, garante o bom funcionamento dos rins e fornece energia ao organismo; Magnésio – conhecido como mineral anti-estresse, já que sua ausência no organismo provoca fadiga e é comum em pessoas que sofrem de depressão; Potássio – responsável, entre outras coisas, por enviar oxigênio ao cérebro, garantindo um raciocínio mais claro, além de auxiliar na redução da pressão sanguínea e normalizar os batimentos cardíacos; Selênio – previne o amadurecimento e envelhecimento das células, evitando o desenvolvimento de tumores, além de aliviar os incômodos menstruais e garantir a elasticidade dos tecidos; entre outras proteínas e vitaminas.

Benefícios de consumir salmão regularmente

Quem consome o salmão ao menos 3 vezes por semana, regularmente, sente o organismo mudar gradualmente graças às propriedades acima citadas. A disposição aumenta, o cérebro raciocina melhor, o corpo responde melhor aos seus esforços em mantê-lo saudável, auxiliando a eliminar o excesso de gordura e evitar que ela volte a se desenvolver.

Além dos benefícios já citados, o organismo também faz uso do Ômega-3 para produzir substâncias que têm participações em diversos processos, como fortalecer o sistema imunológico e combater inflamações. Assim, vale a pena pesquisar receitas e investir na variedade que o salmão pode ser preparado (grelhado, no risoto, em patês ou na massa) para incluído em sua dieta semanal e ter, desta forma, uma vida mais saudável, harmônica e completa. Se consumido frequentemente, o corpo e a mente em breve mostrarão os efeitos desta iguaria, e você se tornará mais um admirador do salmão e suas propriedades.

Veja mais!