Publicado por Ana Ligia
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

A vesícula bilar é um órgão que serve como uma “bolsinha” que armazena a bile, responsável pela digestão de gorduras.

Algumas pessoas costumam gerar pedrinhas na vesícula, o que pode ocasionar fortes dores e inflamações.

As pedras costumam surgir quando há um desequilíbrio na quantidade de água que é consumida no organismo e as substâncias que ficam presas na bile.

Um dos principais fatores que pode ocasionar uma vesícula biliar é uma alimentação rica em gorduras, carboidratos e fibras, o que acaba deixando o órgão saturado.

quais-alimentos-sao-recomendados-para-quem-tem-pedra-na-vesicula

Foto: Pixabay

Essas pedras podem ser retiradas de forma natural, sendo expectoradas ou, em casos mais graves de inflamação e sintomas, através de cirurgia.

Um forma fundamental de lidar com o tratamento da inflamação ou até mesmo evitar que ela aconteça é através de uma boa dieta. Conheça quais são os melhores alimentos para ajudar na prevenção e cura da vesícula biliar.

Alimentos para quem sofre de pedra na vesícula

O primeiro passo é ingerir bastante água. Procure tomar cerca de 2 litros de água por dia. Isso pode ajudar no processo de expectoração das pedras ou até mesmo evitar que elas existam.

A gordura é um item importante na dieta, mas ela tem que ser consumida de forma moderada, principalmente em quem já sofre com cálculos.

A melhor forma de se encontrar a chamada “gordura boa” é através do azeite.

Saiba Mais: Óleo de cozinha: qual o melhor tipo para a saúde?

Azeite

Mas, o mais recomendado para questões na vesícula é consumir este ingrediente de forma crua e não para fritar a comida. Aposte em azeites de oliva e girassol.

Maçã

A maçã é rica em uma substância anti-inflamatória chamada tanino. Ela ajuda a evitar que a vesícula trabalhe em excesso e se inflame. Procure comer a fruta sem a casca.

Abóbora

A abóbora também é ótima para reduzir a inflamação da vesícula e até mesmo para evitar que ela aconteça.

Carne

A carne deve ser sempre a mais leve, como peito de frango ou peru e sempre sem a pele.

Alimentos que devem ser cortados

Evite a ingestão de alimentos que são ricos em gordura, com muito carboidrato ou aqueles que estimulam as secreções digestivas como o álcool, suco de laranja, chá e café.

Consuma leite e seus derivados apenas na forma de desnatada.

Veja mais!