Pitaya, uma fruta cheia de benefícios e que emagrece

Fruta dragão. É assim que é chamada a pitaya, uma fruta de características exóticas e benefícios excelentes para a saúde. Ela veio da América Central e conseguiu se espalhar pelo mundo todo, principalmente no Oriente, embora no Brasil seja apenas cultivada em São Paulo. Sua casca é irregular, formando gomos escamosos que lembram um dragão, mas sua polpa é doce e macia, com um sabor comparado ao do kiwi e melão. A pitaya é matéria prima de doces, geleias, iogurtes, sorvetes, tortas e também cai bem como acompanhamento na salada.

Pitaya, uma fruta cheia de benefícios e que emagrece

Foto: Reprodução

Tipos da pitaya

É possível encontrar na natureza três tipos da pitaya: a com casca rosa e polpa branca (Hylocereus undatus); a com casca amarela e polpa branca (Selenicereus megalanthus); e, por fim, a de casca rosa e polpa vermelha (Hylocereus polyrhizus). As três são ricas em nutrientes, contudo alguns dos continentes diferem ente as variedades.

Os vários benefícios da pitaya

Muito rica em vitaminas, minerais e oligossacarídeos, a pitaya ajuda excelentemente na manutenção da boa saúde. Essa fruta consegue diminuir o colesterol, retardar o envelhecimento celular e ainda regular os níveis de açúcar no sangue. É encontrado em sua fórmula o Omega 3, que é rico em magnésio e cálcio, minerais que turbinam a imunidade do organismo.

Pitaya na dieta

Pitaya na dieta

Foto: Reprodução

A pitaya ainda pode ser uma aliada de quem está fazendo dieta para emagrecer, já que em 100 gramas são encontradas apenas 50 calorias e tem propriedades termogênicas – funcionam queimando gorduras. Ainda para emagrecer, são encontradas duas substâncias importantes: glucagon, que dá sensação de saciedade e tiramina, que inibe o apetite, principalmente por doces.

Oligossacarídeos do bem

Os oligossacarídeos encontrados na pitaya são muito eficazes na prevenção de doenças como o diabetes e o câncer de cólon. Eles também reduzem a ingestão de calorias, diminui as chances de contrair infecções bacterianas, além de ajudar a neutralizar as substâncias tóxicas que entram no organismo.

As outras partes da planta

Não é só por ai que para os benefícios da pitaya. É possível também tirar proveito do talo e das flores, pois são ótimos para tratar problemas renais. Suas sementinhas são frequentemente comparadas ao gergelim e têm um ótimo poder laxante que ajuda quem sofre com a prisão de ventre.