Publicado por André Luiz Melo
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

De nome científico pinus silvestres L. o pinho silvestre é um vegetal conhecido por integrar o grupo das araucariáceas. Esta planta é bastante encontrada em regiões como Europa (centro e norte e área mediterrânica), Ásia, Portugal e também no Brasil. A popularização e expansão do cultivo dessa espécie se deu no final do século XIX.

Características do pinho silvestre

Este tipo de vegetal pode atingir até 40 metros de altura e pode chegar a mais de 200 anos de vida. Sua maturação é comum de ocorrer no outono, entretanto, o pinhão somente se desprende da planta apenas em novembro do seu segundo ano.

Planta nativa de áreas com altitudes geralmente entre 200 e 2.100 metros de altura, o pinho silvestre possui floração entre os meses de maio e junho. Quando cultivada, as sementes da mesma devem ser plantadas com ao menos 90 centímetros de distância e ao seu redor, preferencialmente, não devem existir outras plantas, matérias ou objetos que venham a inibir o crescimento da planta.

Planta pinho silvestre

Foto: Pixabay

Além dos usos medicinais, esta planta possui sua madeira como grande matéria de qualidade a qual é explorada bastante pela Europa Ocidental. A mesma pode ser utilizada em carpintaria, marcenaria e ainda ebanisteria. Já as folhas do pinho silvestre podem ser aplicadas como espécies de camas para o gado.

Benefícios e propriedades deste vegetal

O pinho silvestre tem se difundido bastante na sociedade por meio do seu uso medicinal. O mesmo atua auxiliando a tratar infecções pulmonares em decorrência de uma resina a qual é capaz de fornecer uma essência chamada de terebintina. Tal substância é dotada (cientificamente comprovado) de propriedades bactericidas.

Dessa forma, o pinho silvestre é capaz de atuar no tratamento contra catarro por meio de sua utilização interna e, externamente, atua para combater reumatismos e nevralgias. Em ambos os casos, a receita consiste na infusão de 30g dos brotos da planta para cada litro de água.

Veja mais!