Publicado por Natália Petrin
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Falar-se em lactose se tornou algo bastante comum nos dias de hoje. Isso porque o número de pessoas intolerantes à lactose está aumentando cada dia mais, fazendo com que produtos sem essa substância tenham se tornado mais populares no mercado brasileiro. Esses produtos são direcionados principalmente aos pacientes com esse tipo de intolerância, mas podem ser consumidos por aqueles que querem fazer uma reeducação alimentar sem a lactose.

Dieta: devo ou não consumir lactose?

Existem adeptos dessa dieta que reafirmam os benefícios alcançados com a eliminação da lactose, mas o que será que essa mudança alimentar pode trazer de benefícios?

Os alimentos com lactose podem causar acúmulo de gases e problemas gástricos, de forma que os alimentos substituídos feitos à base de soja e leite sem lactose acabam ajudando nesses casos. Os benefícios da eliminação, entretanto, são bastante direcionados à intolerância, que é caracterizada pela deficiência ou ainda pela ausência da enzima lactase, que está diretamente relacionada ao processo de digestão da proteína do leite.

A longo prazo, a eliminação da lactose para pessoas não intolerantes também trará benefícios, uma vez que, com o passar dos anos, o acúmulo de lactose pode causar problemas no estômago. Aqueles que têm cólon irritável também podem optar por esse leite e obter benefícios relacionados ao consumo, haja vista que ele ajuda a melhorar a digestão.

Jarra e copo com leite

Foto: Depositphotos

Rico em carboidratos, vitaminas e minerais, o leite sem lactose é um alimento quase sem gorduras, ajudando a diminuir a quantidade de calorias. Mas atenção: se pretende emagrecer é melhor optar pelo leite sem lactose desnatado, já que ele também contém gorduras.

Dieta sem lactose

Não é fácil como parece eliminar a lactose da sua alimentação diária. Leite, iogurte e queijo, assim como muitos outros alimentos, deverão ser excluídos ou substituídos em seu cardápio. É fácil encontrar uma lista dos alimentos que devem ser excluídos da alimentação daqueles que querem ou precisam manter uma dieta livre da lactose.

Se você tem intolerância à lactose, mas não está satisfeito de ficar sempre sem produtos que contenham a substância, existe uma enzima que é comercializada e permite que você consuma, vez ou outra, alimentos que tenham lactose.

Procure sempre orientação de um nutricionista, independentemente de ser ou não intolerante. A eliminação e substituição de alimentos em sua dieta deve ser sempre supervisionada, já que algumas vitaminas acabam ficando em falta sem a substituição correta.

Veja mais!