Publicado por André Luiz Melo
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Também conhecida como biotina e vitamina H, a vitamina B8 é indispensável para o corpo humano. Esse nutriente é considerado importante por executar o processamento de carboidratos, gorduras e proteínas. Produzida pela flora bacteriana intestinal, a biotina presente no interior do organismo se dá nos níveis diários necessários para o corpo.

Benefícios

Os efeitos benéficos da vitamina B8 para o organismo humano são os mais diversos. Entretanto, os principais incluem o combate à queda de cabelo, o revigoramento da pele, a diminuição dos níveis de colesterol e o fortalecimento das unhas.

Sintomas da ausência de vitamina B8

 

Benefícios da vitamina B8 para a saúde

Imagem: Reprodução/ internet

Inflamações, pele sensível, falta de apetite, dor muscular, enjoos, furúnculos, transtornos mentais, anemia, além de nível excessivo de colesterol no sangue são considerados os principais sintomas decorrentes da ausência de vitamina B6 no organismo.

Em decorrência do corpo ser incapaz de armazenar a biotina, esta necessita ser reposta diariamente e, em casos de excesso, liberada por meio da urina.

Alimentos ricos em vitamina B8

Alimentos como ovo, leite, laranja, fígado, melão, banana, abacaxi, morango, abacate, melancia, entre outros, são identificados como ricos em níveis ideias de vitamina B8 para o organismo.

Os mais recomendados

Ovo

O ovo é considerado o detentor dos maiores níveis de proteínas entre os alimentos, inclusive superando as quantidades encontradas no leite e em peixes. A ingestão de ovo é fundamental para a alimentação humana. O mesmo, além de possuir baixo teor calórico, é dotado de nutrientes como zinco, manganês, cálcio e, referente à vitamina B8 (biotina), possui 0,025 mg a cada 100 gramas de gema.

Carne vermelha

Se consumida livre de gordura, a carne vermelha faz parte de uma alimentação saudável, benéfica para a manutenção da saúde corporal. Um bife possui, em média: 3,4 mcg de biotina, 10 mg de ferro e 32 gramas de proteína. Ao ser consumida combinada com cereais como feijão e arroz, torna-se uma fonte de aminoácidos essenciais, gorduras, ferro, carboidratos, vitaminas e minerais.

Cereais

Cereais são alimentos recomendados para qualquer cardápio alimentar saudável. Nas versões integrais, os mesmos são ricos em nutrientes como o selênio, potássio, magnésio e fibras. É importante consumir uma ampla variedade de cereais para a manutenção da saúde do organismo. O gérmen de trigo é um dos mais recomendados, pois possui, a cada 100 gramas, 38 mcg de biotina. Todavia, é essencial ter atenção quanto aos cereais envolvidos com elevados níveis de gordura, como no caso de pastéis, os quais são responsáveis pelo aumento do peso.

Veja mais!