Publicado por Natália Petrin
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Conhecida por seus poderes afrodisíacos, Yohimbe é uma árvore nativa da África do Sul. Também chamada de árvore do amor, a planta pertence à família Rubiaceae, chegando a alcançar 30 metros de altura, e suas folhas podem chegar a ter 25 cm de largura. Cresce em solos ricos e prefere locais protegidos do sol. Sua parte utilizada é a casca.

Aplicações da yohimbe na medicina alternativa

Foto: Reprodução

Propriedades aplicadas medicinalmente

Uma das propriedades químicas que trazem seus benefícios aplicáveis à medicina alternativa é o alcaloide ioimbina, responsável por expandir os vasos sanguíneos dos órgãos – inclusive genitais –, da pele e das células gordas. Seu uso causa aumento da libido, tanto em homens como mulheres. Favorece o crescimento muscular para quem pratica exercícios físicos, melhorando desempenho, disposição e potência. A yohimbe inibe ainda a monoamina oxidase, sendo indicada também em casos de pacientes depressivos. É indicada ainda para amenizar estresses pós-traumáticos, dismenorreia, angina, relaxamento muscular, alívio de dores e ajuda no emagrecimento.

Recomendações, efeitos colaterais e contraindicações

Quando usada para fins afrodisíacos, só é eficaz caso a impotência seja causada por fatores naturais como ansiedade, tensão e idade avançada. Caso seja devido à alguma enfermidade, seu uso é ineficaz, e é necessário procurar um médico. O consumo é contraindicado para pacientes com hipertensão arterial, distúrbios psicológicos, no fígado ou no coração, além daqueles que fazem uso de medicamentos antidepressivos tricíclicos. Não deve ser consumido em excesso, uma vez que pode causar alucinações e o efeito contrário ao afrodisíaco. Quando o consumo é associado ao consumo de bebidas alcoólicas, a yohimbe pode trazer consequências sérias.

De acordo com a American Cancer Society, o uso da yohimbe como suplemento de saúde pode causar diversos efeitos colaterais como pressão alta, dor no peito, vômitos, possíveis complicações psiquiátricas e até mesmo a morte. No entanto, no estudo, após avaliações, os pesquisadores concluíram que as reações adversas graves eram infrequentes e reversíveis.

Como usar a yohimbe?

A planta pode ser consumida por meio de chá. Para prepará-lo, você irá precisar de três colheres da casca de yohimbe em 250 ml de água. Coloque a água em um recipiente e leve ao fogo baixo. Em seguida, adicione as cascas e aguarde alcançar fervura. Quando chegar ao ponto de ebulição, aguarde mais 15 minutos, e então desligue. Em seguida, com um filtro de café, coe e deixe arrefecer por mais 15 minutos. Adicione 1g de vitamina C, e adoce com mel. Beba em goles pequenos, uma xícara ao dia.

Veja mais!